Arquivo da tag: Pequim

ONE COMMENT

piorpistaever

Certamente o pior traçado jamais concebido para uma corrida de rua em todos os tempos. Vai começar bem, a Fórmula E em Pequim… Que lixo.

Tags: , | 37 comentários

SANTANA ABANDONADO

SÃO PAULO (que pena…) – Lembram dos meninos brasileiros que moram na China e iriam de Pequim a Londres para os Jogos Olímpicos num Santana? Pois eles tiveram de abandonar o carro na fronteira com o Cazaquistão. A alfândega não deixou que eles passassem com o automóvel, que foi deixado num estacionamento. Seguirão viagem, porém, do jeito que for possível. Já pegaram até carona num trator! “Thunder Love”, o Santana, será resgatado depois. Uma sacanagem, porque nessas grandes jornadas o carro é, geralmente, o principal personagem.

As aventuras do grupo seguem sendo relatadas aqui, num blog com fotos excelentes. Vale a pena acompanhar. E mandem mensagens de apoio para a garotada, que eles merecem!

Tags: , , , , | 9 comentários

MAS O CARRO…

SÃO PAULO (boa sorte!) – Olha que legal… Três brasileiros que moram na China resolveram ir de carro de Pequim a Londres para ver a abertura dos Jogos Olímpicos. A viagem será registrada neste blog aqui. Serão 20 mil km em 57 dias passando por mais de 20 países.

O carro será um Santana branco 2005, modelo muito popular na China, fabricado lá. Aliás, quando fui à China pela primeira vez fiquei abestado com a quantidade de Santanas pelas ruas, muitos deles usados como táxi.

A viagem tem tudo para ser um barato e eu, se pudesse, faria algo parecido. Mas o carro escolhido… É meio sem graça, não? E é aí que chego no ponto: o carro, para as novas gerações, é o de menos. Na minha cabeça enferrujada, carro sempre tem de ser o “de mais”. Não faria uma viagem dessas num carro comum, que nada me diga ao coração. O barato seria a viagem, claro, mas o barato maior seria o carro para fazer a viagem.

De qualquer forma, os meninos batizaram o Santanão como “Thunder Love” e, queiram ou não, ao longo da jornada vão se afeiçoar a ele, ou odiá-lo, dependendo do que acontecer. O que deu para perceber é que, até agora (a viagem nem começou), o carro não é um personagem da aventura, apenas um coadjuvante. Impressão minha, pelo menos.

Sucesso aos rapazes, e vamos acompanhar tudo por aqui!

Tags: , , , | 39 comentários

LIMAOSINE

limao

SÃO PAULO (só eu não vi?) – No dia 1º de outubro, a China iniciou as comemorações do 60º aniversário da revolução comunista com um desfile inacreditável em Pequim. Inacreditável mesmo, como mostram as fotos do “The Boston Globe” em sua página de “big pictures”, que por si só é uma atração. Eu acho que não estava no Brasil nesse dia, passou batido. A que ilustra esta despretensiona notinha, inclusive, não é do site. Mas mostra a limousine mao-tse-tunguiana que chamei brilhantemente de “limaosine” (sacaram?) e foi usada pelo presidente Hu Jintao para fazer seu discurso (notem os microfones no teto). Não parece um Trabi de luxo?

Tags: , , | 18 comentários

20 ANOS HOJE

SÃO PAULO (a China não viu) – 4 de junho de 1989. Depois de semanas de protestos contra o governo, jovens estudantes chineses foram massacrados na Praça da Paz Celestial pelo Exército do Povo. Ninguém sabe exatamente quantas pessoas morreram. O governo divulgou um número, 241. Há estimativas que falam em mais de duas mil mortes, outras em até sete mil. Na manhã seguinte, a imagem do rapaz que detém uma coluna de tanques armado apenas com sua voz, seus gestos e seu olhar roda o mundo e se transforma no símbolo de uma revolução que só não foi derrotada por aquela coluna de tanques. No resto, perdeu em tudo, em questão de minutos. Não houve diálogo. De nenhum dos lados, nem do governo linha-dura, nem das lideranças estudantis radicais dispostas a morrer ali mesmo, na praça. Chinês não gosta muito de conversar, muito menos de ceder. Todos os países do mundo condenaram a China pelo massacre de Tiananmen. Menos de 20 anos depois, estavam todos eles no Ninho do Pássaro batendo palmas para a mesma China — agora mais rica, parceira comercial essencial para o resto do planeta.

O rapaz que deteve os tanques nunca foi identificado. Hoje, farei um brinde a ele e a todos os chineses com quem troquei sorrisos no mês que passei em Pequim no ano passado. Muitos deles não sabem direito o que aconteceu na praça há 20 anos. Não os culpo.

Tags: , , | 36 comentários

TODOS AQUI

PEQUIM (chove lá fora) – Enquanto meu avião não sai, e é só amanhã, vamos tentar colocar a vida bloguística em dia… Mas, antes, algo que eu eu queria mostrar aqui desde o dia em que cheguei a Pequim, mas acabei esquecendo. Os mais velhos se lembram que em São Paulo, antes de a Telefônica comprar a Telesp e pintar tudo de amarelo-camisa-reserva-do-Palmeiras, os orelhões de todo o Estado eram cor-de-laranja.

Pois eles sumiram do mapa, e fui encontrá-los lépidos e faceiros na capital chinesa, vejam só… A foto do original, abaixo, eu emprestei deste ótimo blog fotográfico de Alexandre Gabriely.

E notei que está tão difícil de achar fotos de orelhões antigos na internet quanto na ruas. Mas consta que alguns laranjões ainda resistem bravamente, principalmente em bairros de periferia.

Tags: , , | 12 comentários